tutorial

Caros amigos, é simples localizar uma melodia aqui no blog, basta ir no box "pesquisar no blog" e escrever o parametro da pesquisa, seja o numero do salmo, ou uma frase, ou a data logo abaixo da janelinha do Facebook (aliás, visite minha página, mande um convite ou seja um seguidor). Você também encontrará as melodias nos arquivos do blog, onde são disponibilizadas por ordem de data cronologicamente. Você ainda tem a opção de receber as melodias novas no seu Email, basta cadastrá-lo no box "siga-nos em seu Email". Se você usar a melodia do blog, por favor, deixe um comentário com sua cidade e paróquia. Espero ajudar, boa Missa à todos.

Aos Salmistas...

Para cantar a ti, meu Senhor Jesus, quem me dera ter olhos de águia, coração de criança e uma língua polida pelo silêncio!
Frei Ignácio de Larrañaga

Ouça a radio cantesalmos

Ouça a rádio cantesalmos - para uma melhor navegação, click no link a seguir com o botão direito e escolha "abrir em uma nova guia"

Atalho do Facebook

pesquise no blog

Carregando...

siga-nos em seu email

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

salmo 16, 16 de novembro 2011 (16/11/2011)

Este salmo é um clamor a Deus, onde o salmista pede Sua presença pois está à seguir Seus mandamentos.


marcio - melodia, voz solo e guitarras
vilza - backing
leandro - baixo






100_0606
marcio

100_0610
vilza

DSCN0443
leandro



Em                 C              D                    Em             ( C D)
Ao despertar me saciará vossa presença, ó Senhor!



G              D       
Ó Senhor, ouvi a minha justa causa,  
Am                    Em                   
escutai-me e atendei o meu clamor!
G                         D
Inclinai o vosso ouvido à minha prece,
Am                         Em                              C    D
pois não existe falsidade nos meus lábios!    (R)



G                               D
Os meus passos eu firmei na vossa estrada,
Am                       Em
e por isso os meus pés não vacilaram.
G                                 D
Eu vos chamo, ó meu Deus, porque me ouvis,
Am                      Em                                C  D
inclinai o vosso ouvido e escutai-me!    (R)


G                                D
Protegei-me qual dos olhos a pupila
Am                          Em
e guardai-me à proteção de vossas asas.
G                          D
Mas eu verei, justificado, a vossa face
Am                                Em                         C   D
e, ao despertar, me saciará vossa presença.   (R

Nenhum comentário:

Postar um comentário

sua participação é muito importante para nós