tutorial

Caros amigos, é simples localizar uma melodia aqui no blog, basta ir no box "pesquisar no blog" e escrever o parâmetro da pesquisa, seja o numero do salmo, ou uma frase, ou a data, aproveita clica no link do Facebook no lado esquerdo. Você também encontrará as melodias nos arquivos do blog, onde são disponibilizadas por ordem de data cronologicamente. Você ainda tem a opção de receber as melodias novas no seu Email, basta cadastrá-lo no box "siga-nos em seu Email". Se você usar a melodia do blog, por favor, deixe um comentário com sua cidade e paróquia. Espero ajudar, boa Missa à todos.

Aos Salmistas...

Para cantar a ti, meu Senhor Jesus, quem me dera ter olhos de águia, coração de criança e uma língua polida pelo silêncio!
Frei Ignácio de Larrañaga

salmo 101, 30 de setembro 2013 (30/09/2013)

Este salmo nos mostra que a súplica é um clamor que nasce do fundo da necessidade, na certeza de que Deus ouve a quem o invoca.



Salmo entoado por Leandro Cassiano na Paroquia Sagrado Coração de Jesus, em São João da Boa Vista



C       G/B               Am      Dm      C                G
O Senhor edificou Jerusalém, e apareceu na sua glória!



C                G/B          Am
As nações respeitarão o vosso nome, 
Dm              C                         G     G7
e os reis de toda a terra, a vossa glória; 
C             G/B                Am
quando o Senhor reconstruir Jerusalém 
Dm                   C                 G   G7
e aparecer com gloriosa majestade, 
F                 G
ele ouvirá a oração dos oprimidos 
F                  G                 G7
e não desprezará a sua prece. 


Para as futuras gerações se escreva isto, 
e um povo novo a ser criado louve a Deus. 
Ele inclinou-se de seu templo nas alturas, 
e o Senhor olhou a terra do alto céu, 
para os gemidos dos cativos escutar 
e da morte libertar os condenados. 


Assim também a geração dos vossos servos 
terá casa e viverá em segurança, 
e ante vós se firmará sua descendência. 
Para que cantem o seu nome em Sião 
e louve ao Senhor Jerusalém, 
quando os povos e as nações se reunirem 
e todos os impérios o servirem.


salmo 145, 29 de setembro 2013 (29/09/2013)

Deus é fiel aos oprimidos
Hino de louvor, proclamando a fidelidade de Deus, que fundamenta a confiança do povo


*melodia disponibilizada por www.cancaonova.com


Em                D               C                  B7
Bendize  minha alma, e louva ao Senhor! 
Em                D               C       B7      E
Bendize  minha alma, e louva ao Senhor! 



E                                D
O Senhor é fiel para sempre
C                                B7
Faz justiça aos que são oprimidos
         Em                             D
Ele dá alimento aos famintos
         C                    B7
É o Senhor quem liberta os cativos
  

O Senhor abre os olhos aos cegos, 
o Senhor faz erguer-se o caído, 
o Senhor ama aquele que é justo.  
É o Senhor quem protege o estrangeiro. 




Ele ampara a viúva e o órfão,  
mas confunde os caminhos dos maus. 
O Senhor reinará para sempre! 
Ó Sião, o teu Deus reinará 
para sempre e por todos os séculos!

salmo 125, 23 de setembro 2013 (23/09/2013)

Este salmo nos mostra que numa situação difícil, o povo relembra a grande libertação, que se tornou anúncio até para os pagãos. Mostra também que, da semeadura e da colheita, o povo aprende que uma situação nova de prosperidade e alegria se atinge através da tristeza e sofrimentos na luta do dia-a-dia.

*melodia postada originalmente por www.cancaonova.com


       E   B/D# C#m7         A              B              A                B    C#m7 B
— Ma    ra    vilhas fez conosco o Senhor,/ exultemos de alegria!
     E     B/D# C#m7         A              B             F#m7          B    E
— Ma     ra vilhas fez conosco o Senhor,/ exultemos de alegria!


     E                 E7+9            A                   E
— Quando o Senhor reconduziu nossos cativos,/
     C#m7 F#m7       B4 B
parecíamos         sonhar;/
E                      E7+9             A
encheu-se de sorriso nossa boca,/ 
            E         C#m7 F#m7 B4 B
nossos lábios,   de               canções. (refrao)


Entre os gentios se dizia: “Maravilhas/ 
fez com eles o Senhor!”/
Sim, Maravilhas fez conosco o Senhor,/ 
exultemos de alegria!



Mudai a nossa sorte, ó Senhor,/
como torrentes no deserto./ 
Os que lançam as sementes entre lágrimas/
ceifarão com alegria.


Chorando de tristeza sairão,/ 
espalhando suas sementes;/
cantando de alegria voltarão,/ 
carregando os seus feixes!

salmo 112, 22 de setembro 2013 (22/09/2013)

Neste salmo vemos que Deus não faz distinção de Seus filhos, somos todos iguais perante Seus olhos e nos sentaremos ao redor de Sua mesa como nos foi prometido.

*melodia disponibilizada por www.cancaonova.com, com interpretação de Rosiane Taís, membro da comunidade Canção Nova.



               D            G/D                        D   D4  D      
 — Louvai o Senhor, que eleva os pobres!
           Em7         A4                            D  D4  Asus
 — Louvai o Senhor, que eleva os pobres!'


       Em7                                            F#m7
 — Louvai, louvai, ó servos do Senhor,/ 
     Em7               A                       D
 louvai, louvai o nome do Senhor!/ 
     Em7                                   F#m7
 Bendito seja o nome do Senhor,/ 
   Em7           G                   A4  A
 agora e por toda a eternidade! 


 — O Senhor está acima das nações,/  
 sua glória vai além dos altos céus./  
 Quem pode comparar-se ao nosso Deus,/ 
 ao Senhor, que no alto céu tem o seu trono/ 
 e se inclina para olhar o céu e a terra? 


 — Levanta da poeira o indigente/  
 e do lixo ele retira o pobrezinho,/  
 para fazê-lo assentar-se com os nobres,/ 
 assentar-se com os nobres do seu povo.

salmo 110, 19 de setembro 2013 (19/09/2013)

Este salmo nos mostra que Deus tem uma aliança com seu povo, que é guiá-lo à terra prometida, que em nosso tempo atual é o Reino dos Céus.



Vídeo disponibilizado por Banda Coração Divino, da cidade de Itararé SP

salmo 50, 15 de setembro 2013 (15/09/2013)

Este salmo é o retrato do pecador. Obcecado pela culpa, o pecador descobre que o pecado é sempre, e em primeiro lugar, uma ofensa contra Deus, o parceiro da Aliança. Assim, confessar o pecado significa ao mesmo tempo, absolver Deus como inocente, libertando-o de qualquer cumplicidade. 



*melodia disponibilizada por www.cancaonova.com, com interpretação de Rosiane Tais, missionária da Comunidade Canção Nova.


—-Am7     C            Am7 Dm7 Bb9    Gm7                C C/Bb
— Vou, agora, levantar-me, volto à casa do meu pai.
—-Am7     C            Am7 Dm7 Bb9    Csus               F
— Vou, agora, levantar-me, volto à casa do meu pai.

—-Dm7                             Am7
— Tende piedade, ó meu Deus, misericórdia!/
————Dm7                 Am7
Na imensidão de vosso amor, purificai-me!/
Gm7                                     F/A
Lavai-me todo inteiro do pecado,/
——Bb9               Gm7                Csus C
e apagai completamente a minha culpa!

— Criai em mim um coração que seja puro,/
dai-me de novo um espírito decidido./
Ó Senhor, não me afasteis de vossa face,/
nem retireis de mim o vosso Santo Espírito!

— Abri meus lábios, ó Senhor, para cantar,/
e minha boca anunciará vosso louvor!/
Meu sacrifício é minha alma penitente,/
não desprezeis um coração arrependido!

salmo 15, 13 de setembro 2013 (13/09/2013)

Oração de confiança, onde se renova a entrega total a Deus, tanto do indivíduo como da comunidade

*Melodia disponibilizada por www.cancaonova.com

vilza - voz solo
joão - backing
leandro - programação



IMG_20130901_171403



E                 B/D#          A/C#    A/B 
— O Senhor, é a porção da minha herança  
             E                  B/D#                 A/B 
— O Senhor, é a porção da minha herança 

                             E                        B/D#       A/C# A/B 
— Guardai-me, ó Deus, porque em vós me refugio!/
                   E                        B/D#              A/B
Digo ao Senhor: “Somente vós sois meu Senhor:/
         F#m                      A                   B 
Ó Senhor, sois minha herança e minha taça,/
             F#m           A                       B 
meu destino está seguro em vossas mãos! 


— Eu bendigo ao Senhor, que me aconselha, 
e até de noite me adverte o coração. 
Tenho sempre o Senhor ante meus olhos, 
pois se o tenho a meu lado não vacilo.


— Vós me ensinais vosso caminho para a vida; 
junto a vós, felicidade sem limites, 
delícia eterna e alegria ao vosso lado!

salmo 150, 12 de setembro 2013 (12/09/2013)

Tudo que há na Terra e em todo Universo deve louvar alegremente ao Senhor Deus.




Leandro - melodia, programação, backing 
Marlene - voz solo

DSCN0435
Leandro e Marlene


C                  F   Em                              F
Louve o Senhor tudo o que vive e que respira.
F                                   Em     F       G        C
Tudo o que vive e que respira, louve o Senhor



Am                            Em
Louvai o Senhor Deus no santuário,
Am                      Em
louvai-o no alto céu de seu poder! 
F                            G
Louvai-o por seus feitos grandiosos, 
F                            G                C
louvai-o em sua grandeza majestosa!    (R)



Louvai-o com o toque da trombeta, 
louvai-o com a harpa e com a citara! 
Louvai-o com a dança e o tambor, 
louvai-o com as cordas e as flautas!    (R)



Louvai-o com os címbalos sonoros, 
louvai-o com os címbalos de júbilo!
Louve a Deus tudo o que vive e que respira, 
tudo cante os louvores do Senhor!   (R)

slamo 144, 11 de setembro 2013 (11/09/2013)

O louvor ao Nome, revelado no momento da grande libertação, recorda que o Deus vivo é o libertador. O louvor é um reconhecimento das obras que Deus realiza na história. Transmitido de geração em geração, esse louvor mantém a fé que constrói a história segundo o projeto de Deus. O centro desse projeto é o amor de Deus criando liberdade e vida. O Reino de Deus é o amor partilhado entre todos os homens, para eliminar as divisões e desigualdades. 

*melodia disponibilizada pelo portal www.cancaonova.com.



Leandro - voz solo, violão e programação
Vilza - backing
João - backing

IMG_20130901_171403

   E       C#m7           A                       B                   A                      B    C#m7 B
O Senhor é muito bom para com todos. Muito bom para com todos
  E       C#m7           A                       B                   F#m                 B       E
O Senhor é muito bom para com todos. Muito bom para com todos


E                                               A                     E
Todos os dias haverei de bendizer-vos, hei de louvar
C#m            F#m      B
o vosso nome para sempre.
E                                                    A                    E
Grande é o Senhor e muito digno de louvores, e ninguem
C#m             F#m   B
pode medir sua grandeza.   (R)


Que vossas obras, ó Senhor, vos glorifiquem, e os vossos santos
com louvores vos bendigam!
Narrem a glória e o esplendor do vosso reino e saibam
proclamar vosso poder!    (R)


Para espalhar vossos prodígios entre os homens e o fulgor
de vosso reino esplendoroso.
O vosso reino é um reino para sempre, vosso poder,
de geração em geração.

salmo 89, 08 de setembro 2013 (08/09/2013)

Deus, confirma a nossa vida!
Oração coletiva de súplica, diante da fragilidade e brevidade da vida humana 

*melodia disponibilizada por Portal da Musica Catolica interpretada por João Victor




D9                          Bm7        Gm7              D9   
Vós fostes, ó Senhor, um refúgio para nós!

  F                                          F/Bb
Vós fazeis voltar ao pó todo mortal,
              Dm7                F/C                 F/Bb
quando dizeis: “Voltai ao pó,filhos de adão!”
F                                                    F/Bb
Pois mil anos para vós são como ontem,
          Dm7              F/C            F/Bb   C
qual vigília de uma noite que passou.


Eles passam como o sono de manhã,
são iguais à erva verde pelos campos:
De manhã ela floresce vicejante,
Mas à tarde é cortada e logo seca.


Ensinai-nos a contar os nossos dias,
e dai ao nosso coração sabedoria!
Senhor, voltai-vos! Até quando tardareis?
Tende piedade e compaixão de vossos servos!


Saciai-nos de manhã com vosso amor
e exultaremos de alegria todo o dia!
Que a bondade do Senhor e nosso Deus
repouse sobre nós e nos conduza!

salmo 67, 01 de setembro 2013 (01/09/2013)

Nosso Deus é justo, protetor dos desfavorecidos, que prepara o merecido lugar aos pobres.





*melodia disponibilizada por www.cancaonova.com, com interpretação de Gil Duarte, ministra de música da Comunidade Canção Nova.




                      D                 A/C#           G/B                A     A4
— Com carinho preparastes uma mesa para o pobre.
                      D                 A/C#           G/B                A     A4
— Com carinho preparastes uma mesa para o pobre.



                 D             A/C#             Bm7                A6
— Os justos se alegram na presença do Senhor,/
         G                D/F#         Em7                A
 rejubilam satisfeitos e exultam de alegria!/
           Em7                  D/F#            G                                     A
Cantai a Deus, a Deus louvai, cantai um salmo a seu nome!/
            Em7      D/F#              G                 A4     A
 O seu nome é Senhor: exultai diante dele!



               D              A/C#           Bm7        A6
— Dos órfãos ele é pai, e das viúvas protetor:/
         G                D/F#              Em7            A
 é assim o nosso Deus em sua santa habitação./
         Em7                  D/F#               G                   A
 É o Senhor quem dá abrigo, dá um lar aos deserdados,/
            Em7             D/F#              G                 A4     A
 quem liberta os prisioneiros e os sacia com fartura.



                 D                A/C#      Bm7        A6
— Derramastes lá do alto uma chuva generosa,/
             G                D/F#             Em7                A
 e vossa terra, vossa herança, já cansada, renovastes;/
    Em7          D/F#            G            A
e ali vosso rebanho encontrou sua morada;/
            Em7         D/F#              G                 A4     A

 com carinho preparastes essa terra para o pobre.

pesquise no blog

siga-nos em seu email